Tiago Iorc lança "Desconstrução" EM UMA AULA DE construção de carreira

 
Captura de Tela 2019-05-05 às 4.08.35 PM.png
 

Tiago Iorc lança "Desconstrução" sem alarde, e mostra que além de ser um grande artista sabe tudo de marketing.

Alou!

Mais uma vez venho aqui em meu blog parabenizar o querido Tiago Iorc e seu parceiro de trabalho Felipe Simas por mais uma etapa linda dessa carreira que só dá passos certeiros.

Temos que aplaudir!

Concluí que um descanso vai me fazer bem.
— Tiago Iorc | 7 de Janeiro de 2018
 
Captura de Tela 2019-05-05 às 3.58.48 PM.png
 

Senso da Escassez:

Não sei se você está lembrado(a), mas Tiago Iorc deixou seu último post nas redes sociais em 7 de janeiro de 2018, e desde lá seus fãs não tinham notícias do seu paradeiro.

Sair do RADAR completamente é sempre algo muito arriscado em épocas de consumo guiado por playlists, mas o fato é que tanto o artista quanto o Simas, seu empresário, sabem exatamente o que estão fazendo.

Até mesmo a estratégia de zerar as redes sociais, algo que hoje eu discordo na maioria dos casos, fez sentido quando escutei a primeira faixa do álbum.

Desde de “Troco Likes” essa narrativa crítica em relação a como nos comportamos nas redes sociais vem permeando as canções de amor adocicadas que fizeram o artista decolar.

WOW FACTOR:

Da mesma forma que "saiu de cena”, Tiago Iorc voltou mais de um ano depois. Foi ali no Insta, postou uma foto e upou 14 vídeos em uma playlist oficial em seu canal do Youtube. Por ser uma playlist oficial os clipes podem ser vistos como um filme. Tudo dirigido por ele e seguindo a mesma linguagem dos seus últimos clipes: simplicidade e extremo bom gosto.

Como colocou apenas um vídeo apenas na home do seu canal, até jornalistas desavisados de grandes veículos como o G1 não notaram que o álbum estava inteirinho em áudio& vídeo no Youtube.

 
Captura de Tela 2019-05-05 às 4.02.10 PM.png
 
 
 


Esse tipo de estratégia, além de LACRAR geral depois de gerar meses de agonia e medo em sua enorme e apaixonada base de fãs, também traz o super fã para perto. Como eles são os únicos fanáticos a prestar atenção aos mínimos movimentos do seu artista preferido, são os primeiros a descobrir, escutar e compartilhar.

O tal senso de pertencimento e de comunidade que sempre falo aqui e em meus vídeos.

Nada de novo, nada de genial, mas tudo MUITO BEM USADO, no timing certo e com o artista certo.

CALMA!!

Mas antes que você veja isso e queira fazer igual, já digo: Poucos artistas hoje podem usar esse tipo de estratégia e obter sucesso.

Já ia me esquecendo de dizer que o ÁLBUM É FODA!

E a pergunta que faço:

Será que no mainstream só a Anitta e o Tiago Iorc estão ligados nesse novo mercado??

 
 

Por hoje é isso.

Um beijo enorme!!