Um dos grandes Youtubers do planeta! As marcas o chamam de "Magic Touch" e seus fãs o idolatram.

 
 
 

Hey! 

 

Hoje vou falar sobre um dos Youtubers mais influentes do planeta. 

Vlogger, Cineasta, Disruptor... 

As grandes marcas do planeta se referem à ele como "Magic Touch". 

 

Seu nome é Casey Neistat

 

A história do cara é bem longa, portanto vou focar no seu canal do Youtube que é fantástico.

Uma aula de como fazer publicidade com influenciadores, e também um master degree para quem quer ter uma carreira sólida no Youtube.

 

Vamos ao que interessa! 

 

O PRIMEIRO VÍDEO:

Em Fevereiro de 2010, Casay "perdeu a virgindade" no metrô de NYC com um vídeo criticando o cabo de freio de emergência presente em todos os trens da cidade. Olha que genial!! 

 

Emergency Brake 

 
 

O SEGUNDO VÍDEO:

Exatamente 23 dias depois do primeiro vídeo, Neistat lançou um filme de 6 minutos no Vimeo sobre o INACREDITÁVEL ChatRoulette. LOL! Genial! 

 

ChatRoulette 

 
 
 

O PRIMEIRO HIT: 

Seus vídeos já conquistavam muitos fãs no Youtube a medida em que iam sendo lançados, mas a primeira explosão de fato veio com "Bike Lanes".

Um vídeo hilário onde Neistat critica o departamento de polícia de NYC por multar ciclistas que andam fora da área demarcada para bicicletas.

 

Bike Lanes

 
 
 

Mas o sucesso estava só começando...

O que viria depois de "Bike Lanes" transformaria a vida de Casey para sempre.

 

MR MAGIC TOUCH: O INÍCIO DAS GRANDES PARCERIAS COM MARCAS:

Em uma colaboração com a Nike para lançamento do produto FuelBand, o vídeo "Make it Count" foi lançado e se transformou em uma revolução na forma de se fazer propaganda na plataforma.

É importante dizer que Casey teve 100% de liberdade artística para criar o conceito do vídeo, grava-lo e edita-lo da forma que quisesse. O representante da marca fez apenas um pedido: Não me faça perder meu emprego. 

LOL 

Existe um motivo para a Nike ter a identidade de marca que tem. É porque eles se arriscam, dão chance para as coisas acontecerem. São mentes criativas que entenderam há muito tempo que o importante é vender uma idéia. Se isso for feito todos vão querer comprar o produto. Você nunca vende o produto porque ninguém está aí para ele.
— Casey Neistat, para o livro Streampunks

Make it Count

 
 
 

ALWAYS ON-BRAND:  

Desse momento em diante seu telefone nunca mais parou de tocar.

Colaborações eram escolhidas a dedo e sempre respeitando o seu propósito como cineasta e influenciador.  

Saca só o que ele fez quando a FOX mandou um e-mail perguntando se ele faria um vídeo para promover o filme” The Secret Life of Walter Mitty"!

 

MUITO MUITO MUITO FODA! 

 

What would you do with $25,000?

 
 
 

WIN-WIN: 

Uma vez Casey foi sondado por uma marca gigante lhe propondo um roteiro que, na sua visão, seria um tiro no pé para ambos. Ele mandou um e-mail para sua empresária e pediu que ela encaminhasse a sua resposta na íntegra para o cliente. 

 

"Essa é a campanha mais estúpida que eu já escutei. E anota o que vai acontecer: Eles mandaram esse mesmo roteiro para 10 Youtubers e só eu vou dizer que prefiro não fazer. Os outros nove dirão: "Claro, é um ótimo dinheiro". Eles vão fazer exatamente o que está sendo pedido. Eles terão por volta de um milhão de comentários dizendo horrores da campanha, milhões de dislikes e suas visualizações cairão temporariamente. A agência então irá maquiar os números e dizer para o cliente que a campanha foi um grande sucesso. No final, o cliente não ganha nada, a agência sai de estúpida e os criadores saem perdendo. Diga a eles para acharem alguém que de fato goste da campanha, criem uma dinâmica com eles e dê poder aos criadores para que eles possam fazer algo que seja real e de valor para suas audiências"

 

Seu e-mail foi encaminhado para agência e no dia seguinte eles propuseram pagar o dobro e liberdade total de criação. 

 

Pessoas se tornaram alérgicas à colaborações forçadas entre criadores e marcas. Como seres humanos estamos completamente saturados com a mídia em geral. O que acontece é que nosso detector de merda se refinou nos últimos anos de tal maneira que sentimos o cheiro do que não é real de longe. Pior do que ser ruim, é ser invisível. E assim é 99% das propagandas. Simplesmente invisíveis!
— Casey Neistat, para o livro Streampunks

PROCRASTINAÇÃO:

E se você tem vontade de montar o seu canal assim como eu tenho, Neistat tem uma mensagem para nós!

 

Do what you can't

 
 

 

Esse cara é um exemplo para aquela turminha de artistas intelectuais que fazem cara feia quando digo que o Youtube é um caminho para se viver de arte. 

 

Sim!

Graças à Deus o Youtube não é só feito de "FelipeS NetoS" e "WhinderssonS NunesS"!! 

 

 

Casey é a prova viva que é possível abrir um canal no Youtube, fazer algo de relevante para o mundo, e ainda ganhar uma fortuna em parcerias com marcas. 

 

Enquanto na nossa televisão vemos atores consagrados vendendo serviços e produtos que nunca usariam no dia a dia, é maravilhoso ter canais como esse que fazem justamente o contrário. 

Ontem andando em supermercado aqui em Búzios quase morri de susto com uma Ana Maria Braga HORRENDA de vermelho, com aquele cabelo horrendo, em um display em tamanho real, com a resolução péssima! Por que diabos uma artista que ganha por volta de 1 milhão de reais por mês tem que se vender dessa forma para uma rede se supermercados fajuta...?

Um display segurando uma fruta! PQP! 

 

 
image_6483441.JPG
 

 

Aconselho a todos que lêem em Inglês que comprem o livro Streampunks! 

By the way

Se a compra for feita através desse link você estará contribuindo para o blog

 
Screen Shot 2018-08-17 at 21.58.53.png
 

 

Por hoje é isso. 

Um beijo enorme para todos!!

Clemente Magalhães

 
Screen Shot 2018-08-17 at 12.06.11.png
 

 

ME SIGA NO INSTAGRAM

 

Gallery Block
This is an example. To display your Instagram posts, double-click here to add an account or select an existing connected account. Learn more